Éeeee do Brasiiiiil! Os hinos das vitórias brasileiras

hinos das vitórias brasileiras
Compartilhe!

Época de Copa é tempo de torcer e comemorar. Quando a vitória vem, a comemoração ganha um carinho e uma felicidade a mais e sempre tem aquela música que embala as nossas vitórias, transformando-se em verdadeiros hinos das vitórias brasileiras.

Nesse contexto de músicas que embalaram as Copas, hoje quero relembrar as canções que se transformaram em hinos das vitórias brasileiras! Porque o Brasil, além do país do futebol, é conhecido pela sua população alegre, do carnaval e sua língua musical.

Por isso que cada uma das nossas vitórias ficou eternizada na nossa história. Afinal de contas, ser penta é uma conquista só nossa.

Os hinos das vitórias brasileiras!

Então embarque comigo nesse túnel do tempo futebolístico e musical das nossas cinco estrelas.

A Primeira Vitória!

A primeira vez que o Brasil foi campeão foi na Copa de 1958, que ocorreu na Suécia. A final ficou entre Brasil e a própria Suécia. Jogaram na cidade Estocolmo, e o Brasil levou a melhor com 5×2. Na volta pra casa, o país inteiro recebia a seleção ao som de A Taça do Mundo é Nossa, composta especialmente para a nossa vitória.

Composição de Wagner Maugeri, Lauro Müller, Maugeri Sobrinho e Victor Dagô.

A Segunda Estrela!

Na segunda vitória, o Brasil encarou a Tchecoslováquia no final da Copa de 1962 que aconteceu aqui na América do Sul, no Chile. A seleção ganhou de 3×1 no estádio nacional de Santiago. E os brasileiros comemoravam cada vitória com um frevo que ficou muito popular na época, o Frevo do Bi. Interpretado pelo Jackson do Pandeiro, a música tornou-se o hino do nosso bi campeonato!

Composição de Silvério Pessoa.

3 É Bom Demais!

O Brasil foi tri campeão na Copa de 1970 que teve sede no México. Na final contra a Itália, levamos a melhor num placar de 4×1 no estádio azteca na Cidade do México. Os 90 milhões de brasileiros vibraram com a nossa conquista e cantavam, a plenos pulmões, Pra Frente Brasil, uma das músicas mais conhecidas pelos fanáticos por futebol.

Composição de Miguel Gustavo.

É TEEEEEEEEETRA!

Frase eternizada do locutor Galvão Bueno na nossa 4ª vitória. Foi no Estados Unidos na Copa de 1994, após 24 anos da última vitória do Brasil na Copa do Mundo. A população enlouquecia na frente da TV vendo o 0x0 contra a Itália. O jogo foi decidido nos pênaltis, e acabamos levando por 3×2.

Além da frase icônica de Bueno, a música Coração Verde e Amarelo explodiu nas bocas e nas TVs dos brasileiros. Ela é ate hoje tocada pela rede Globo em propagandas de jogos e em alguns de seus programas.

Composição de Tavito e Aldir Blanc.

O Pentacampeonato.

E nossa última vitória ocorreu na primeira Copa que teve dois países como sede, Japão e Coréia do Sul, lá em 2002. A final aconteceu em Yokohama, no Japão. O Brasil enfrentou a Alemanha e levou a melhor com 2×0. E para comemorar essa Copa especial, não foi uma, mas duas músicas que foram hinos do nosso pentacampeonato. Festa, de Ivete Sangalo, e Deixa a Vida Me Levar de Zeca Pagodinho, emalaram as comemorações. Inclusive eram cantadas pela seleção antes de entrarem nos gramados.

Composição de Anderson Cunha.

Composição de Eri do Cais e Serginho Meriti.

E o Hexa?

E agora para o hexa, qual música vai tornar-se mais um dos hinos das vitórias brasileiras? Com a Copa indo para a reta final e a seleção canarinho classificada, nos resta torcer e escolher a música que vai embalar o nosso tão esperado hexa!

Deixe uma resposta